Notícias

Inscreva-se em nossa newsletter

Como reduzir as partículas transportadores do COVID-19 através dos filtros de ar-condicionado?

A qualidade do ar que respiramos, seja em ambientes fechados ou abertos, é um fator extremamente importante e que tem impactos diretos à nossa saúde. E quando trata-se de locais de trabalho, escritórios, hospitais, e demais ambientes nos quais as pessoas respiram o mesmo ar por um longo período, o cuidado deve ser ainda maior. 

Recentemente, descobriu-se uma nova versão do Coronavírus, o COVID-19

Trata-se de um vírus que ataca o sistema respiratório do indivíduo infectado. A transmissão ocorre de pessoa para pessoa, por contato próximo através de espirros, tosses, apertos de mão, gotículas de saliva, contato com objetos ou superfícies contaminadas, etc.

Tempo de sobrevivência do COVID-19: 

  • Ar – 3 horas; 
  • Cobre – 4 horas; 
  • Papelão – 24 horas; 
  • Plástico/Aço – 2 a 3 dias.

Importância dos filtros para reduzir a proliferação do COVID-19

E como os filtros de ar-condicionado podem ajudar a reduzir os riscos de contaminação de um vírus como esse? Bom, ele pode estar presente no ar e, ao entrar em contato com as mucosas do nariz, boca ou olhos, já é o suficiente para acontecer a contaminação. Justamente por isso, é fundamental realizar a troca do ar do ambiente constantemente.

sistema de HVAC circula o ar nas salas, esfria ou aquece o ar e depois disso o recircula na sala. Com uma taxa de troca de ar de aproximadamente sete vezes por hora, os vírus vivos podem ser transportados por partículas e circular 21 vezes. Com isso se espalham por todos os ambientes, através dos dutos (considerando que eles vivem durante três horas no ar).

 

Veja como o ar circula em um sistema HVAC

Com filtros de alta eficiência, é possível reduzir as partículas que carregam os vírus pelo ar e, a partir disso, evita-se que ele transite por todos os outros ambientes. O sistema HVAC realiza a troca constante do ar e os filtros impedem que, nesse processo, os vírus se espalhem. Através da filtragem, as substâncias contaminantes e prejudiciais à saúde humana são retidas.

Quer saber mais sobre HVAC? Clique aqui.

Assumindo-se os vírus transportados por gotículas de aerossol ou de poeira de 0,3 a 1,0 µm
Plissados
Filtros em “V”
G4
7%
M5
9%
M6
33%
F7
65%
F8
80%
F9
90%
E10
98%

Reduza o tamanho das partículas carregadoras de vírus com filtros de alta eficiência

Seleção de pré-filtro
Filtros atuais
Nossa proposta
Quantidade de recirculação para uma eficiência >95%
Observação
G4
F7
10X+ ==> 3X
Caída do processo inicial pode aumentar. Ciclo de troca do filtro deve permanecer a mesma dos filtros atuais.
M5
F7
10X+ ==> 3X
Caída do processo inicial pode aumentar. Ciclo de troca do filtro deve permanecer a mesma dos filtros atuais.
Combinação do MERV11 como pré-filtro & MERV 16 como filtro secundário
Pré-filtros atuais
Filtros secundários atuais
Nossa proposta
Quantidade de recirculação
G4
M6
M6 (Pré) + E10 (Secundário)
1X
G4
F7
M6 (Pré) + E10 (Secundário)
1X
G4
E10
M6 (Pré) + E10 (Secundário)
1X
M5
M6
M6 (Pré) + E10 (Secundário)
1X
M5
F7
M6 (Pré) + E10 (Secundário)
1X
M5
E10
M6 (Pré) + E10 (Secundário)
1X

Além de contribuir com diversos fatores relacionados ao seu sistema de filtragem de ar, como redução de custos operacionais, por exemplo, os filtros disponíveis na AAF Flanders possuem alta eficiência de filtragem, são produzidos em salas limpas, individualmente testados e possuem certificados independentes. Faça download do nosso catálogo técnico.

 

Solicite um orçamento