Notícias

Inscreva-se em nossa newsletter

Auditoria De Filtragem De Ar: Importância Da Realização Periódica

Um sistema de ar-condicionado vai muito além de realizar o conforto climático do ambiente. Todo o processo tem como objetivo controlar, ao mesmo tempo, a temperatura, umidade, velocidade, renovação do ar, e, um dos principais fatores, a qualidade do ar daquele ambiente. E, nessa função, os filtros desempenham um papel primordial. 

O condicionamento de ar possui a responsabilidade, como dito acima, de manter a qualidade do ar interior de um ambiente, através da renovação pela filtragem de todo do ar insuflado. Os filtros têm como principal função fazer a redução de poluentes que são trazidos pelo ar exterior, além dos que são gerados internamente, dessa maneira, preservando a segurança e a saúde das pessoas presentes no local. 

Realizar rotinas de manutenções em seus sistemas de ar condicionado é essencial, afinal, você preserva a vida útil do aparelho e os padrões higiênicos mínimos nas instalações.

Princípios do funcionamento do ar

O ar-condicionado é instalado em ambientes para deixá-los com temperaturas mais agradáveis. Mas a sua função não se restringe a somente proporcionar uma sensação de conforto térmico. São aparelhos indispensáveis em alguns ambientes, como por exemplo: em hospitais, laboratórios, CPD, etc. 

Basicamente, o aparelho faz o controle da temperatura ambiente. Isso ocorre porque o ar passa pela serpentina do evaporador dos aparelhos de ar-condicionado que, ao entrar em contato com esse equipamento, sofre a queda ou aumento de temperatura. Tudo depende do ciclo que é utilizado (quente ou frio).

Verificação de um sistema
de ar-condicionado

É extremamente necessário sempre verificar se tudo está dentro dos padrões estabelecidos. Portanto, realizar a inspeção dos seus equipamentos de ar-condicionado é completamente imprescindível. Isso independe se o local é climatizado por apenas um equipamento de refrigeração ou composto por vários.

O objetivo principal de adotar a auditoria dos filtros e ares-condicionados é avaliar o estado de conservação e o funcionamento íntegro de todos esses equipamentos, além de prever as irregularidades que possam vir a comprometer a qualidade do ar nos ambientes. Dessa maneira, possíveis melhorias podem ser adotadas, a fim de proporcionar as melhores condições, otimizar o sistema e gerar economia no consumo de energia elétrica e, dessa maneira, proporciona a máxima eficiência do sistema.

Importância de realizar as inspeções

Se as inspeções não forem realizadas nos equipamentos, é muito provável que ocorra acúmulos de sujeiras que, certamente, poderão disseminar fungos e bactérias, o que pode acarretar em doenças respiratórias, alérgicas, como sinusite e rinite, por exemplo. Além disso, o equipamento sofrerá uma redução da sua vida útil. 

As inspeções de filtros e ar-condicionado possuem como parâmetros as leis e normas vigentes que estabelecem as diretrizes a respeito de projetos, dimensionamentos, instalações e manutenções a serem feitas no sistema, como por exemplo: NBR 16401, LEI Nº 13.589, DE 4 DE JANEIRO DE 2018, portaria 3523 e RE-09 da Anvisa, entre outras.

A verificação nos filtros de ar-condicionado

Na inspeção, é verificado se existe o manômetro no filtro, que é o medidor de diferencial de pressão. Caso exista, é observado se o valor indicado está acima do valor informado pelo fabricante para a perda de carga final do filtro. E, se estiver, o filtro deverá ser substituído. 

Em casos nos quais os valores são iguais ou inferiores ao indicado pelo fabricante, o filtro ainda está adequado e pode ser mantido. Caso não haja o manômetro será solicitado que os filtros sejam substituídos, no máximo, a cada 90 dias. Esse período deve ser respeitado, conforme regulamenta a Resolução 09, de 16 de janeiro de 2003 – ANVISA.

Em filtros permanentes, ou seja, que são laváveis, é determinado que a limpeza seja feita mensalmente, conforme determina, também, a Resolução 09, de 16 de janeiro de 2003 – ANVISA. 

É importante ressaltar, também, que os próprios ocupantes do ambiente devem estar sempre atentos às falhas de manutenção e, principalmente, no estado de conservação dos filtros de ar. Essa atitude auxilia na preservação da saúde das pessoas que permanecem no local. 

Basta observar alguns aspectos mais visíveis e evidentes, como por exemplo: o estado dos difusores de ar ou saídas de ar de evaporadoras. É importante verificar os níveis de sujeira e informar os profissionais responsáveis pela manutenção. 

Veja os exemplos nas figuras abaixo:

Filtragem de ar inadequada resulta em custos elevados de energia elétrica

As filtragens e a manutenção da boa qualidade do ar interior, em determinado ambiente, são apenas uma das várias funções operacionais pelas quais as empresas são responsáveis. Não realizar as manutenções periódicas em sistemas de ar- condicionado podem gerar inúmeros problemas, inclusive, custos elevados de energia.

Estudos apontam que:

• 34% de trabalhadores norte-americanos sentem que a falta de inspeções e manutenções nos sistemas de ar-condicionado resultaram em problemas que os fizeram faltar ao trabalho;

• 80% dos norte-americanos entendem que manter a boa qualidade do ar deve ser uma prioridade;

• 50% ou mais dos gastos com energia estão relacionados à movimentação de ar;

• 88% dos gerentes dizem que a falta de manutenções é um problema nas instalações de sistemas de ar-condicionado.

Considerando os dados apontados acima, é essencial que as equipes responsáveis pelo gerenciamento de instalações tenham um consultor extremamente confiável para apoiá-las nas operações e escolha dos seus sistemas de filtragem de ar. 

Além da custos com energia elétrica, a boa filtragem do ar proporciona economias com instalações. Afinal, os filtros são responsáveis, também, por minimizar a limpeza necessárias dos dutos.

Duto Sujo

Duto Limpo

Confira 5 benefícios de realizar uma auditoria de filtro no ar:

• Análise do estado dos filtros feita por uma equipe de especialistas do setor;

• Após a análise, os profissionais orientarão quais são as melhores medidas a serem tomadas, com o objetivo de reduzir custos com energia elétrica e diminuir qualquer tipo de riscos;

• Dados de benchmark valiosos e detalhados;

• Relatórios completos e especializados que apontarão onde seu sistema poderá ter um desempenho ainda melhor;

• Fornecerá uma lista padronizada de filtros e aplicação, por equipamento.

 

Bom, pôde-se perceber o quão importante é realizar a auditoria de filtragem de ar, dos sistemas de ar-condicionado. Essas operações são extremamente fundamentais e proporcionam benefícios significativos. Oferecem reduções de custos, riscos e, consequentemente, muito mais conforto às pessoas que habitam aquele determinado ambiente.

 

Fale com um parceiro de negócio